JESUS CRISTO

Cientistas querem recriar o vinho bebido por Jesus Cristo

Um grupo de cientistas da Universidade de Ariel, na Cisjordânia, está envolvido atualmente em uma tarefa que poderá ter efeitos tanto históricos quando sensoriais: trata-se da produção de um vinho igual ao que se bebia há 2 mil anos, para recuperar e poder sentir no próprio paladar o sabor, o aroma, a cor e a textura que sentiu Jesus Cristo em sua época. Para isso, o primeiro passo é a recuperação da Dabouki, um tipo de uva com a qual era elaborado o vinho naquela época, através de sementes de uvas antigas, nas quais estão sendo realizados testes genéticos.

[VEJA TAMBÉM: Por que ainda perguntamos se Jesus foi casado ou não?]

 

O material genético dessas uvas poderá ser transferido para uvas israelenses atuais e, finalmente, ressuscitar milagrosamente o vinho de antigamente. A pesquisa inclui também a análise de tonéis feitos com barro, encontrados nas ruínas de diversos templos judaicos. 

Essa não seria a primeira realização vitivinícola desse grupo de cientistas, que apresentaram na recente exposição internacional de alimentos, em Milão, 2.480 garrafas de vinho feito a partir da uva Maaravi, uma variedade considerada extinta e que era cultivada no leste de Belém, por volta do ano 220 d.C. O próximo passo, é claro, terá o sabor de um marco histórico.

 


Fonte: RT

Imagem: Renata Sedmakova/Shutterstock.com